Quotes sobre: Ela | Sua família | A vida | Sua carreira e atuar | Kate Beckett & CastleOutros trabalhos | Meio ambiente | O poder das mulheres | Seus fãs

Sobre ela

Meu nome é Stana… Rima com Madonna… Ou banana… (se você vem da Inglaterra). Não é tão difícil. Acerte.

My name is Stana… It rhymes with Madonna… or banana…(if you came from England). It’s not that hard. Get it right.

Stana Katic, sobre seu nome. Site oficial.

Eu acredito que cada um é responsável pela sua felicidade. Eu acredito que qualquer coisa é possível. Claro, você precisa de muito trabalho duro e força de vontade. Eu estou convencida de que todos – e eu realmente quero dizer todos – são capazes de alcançar seus sonhos. Então, eu acredito em destino? Não, eu acredito em sonhos e em trabalho sério e tedioso.

I believe that everyone is responsible for their own happiness. I believe that anything is possible. Of course, you need a lot of hard work and a strong will. I am convinced that everyone – and I really mean this – is able to achieve their dreams. So, do I believe in fate? No, I believe in dreams and serious, tedious work.

Stana Katic, quando perguntada se ela acredita em destino. Gloria, janeiro/2009.

Eu sempre sou a pessoa que está pondo as músicas nos lugares e momentos, eu sou louca por música.

I’m always the person that is DJing spaces and moments, I’m crazy about music.

Stana Katic, durante sua participação no Guest DJ Project. Guest DJ Project, novembro/2011.

Eu adoro beijar, mas eu não saio contando. Romance é difícil para algumas celebridades. Se a mídia descobre que você está namorando Robert Pattinson, você está ferrada. Eu gosto do conceito de que se você está com alguém, é a longo prazo.

I love to kiss, but I don’t tell. Romance is difficult for some celebrities. If the media finds out you’re dating Robert Pattinson, you’re screwed. I like the concept that if you’re with someone, it’s for the long term.

Stana Katic sobre sua vida amorosa. Chatelaine Magazine, janeiro/2012.

O meu nome me foi dado em homenagem à minha avó. É um nome para mau-olhado, para te proteger de coisas ruins.

I was named for my grandmother. It’s an evil-eye name, to protect you from bad things.

Stana Katic sobre o significado de seu nome. Parade, março/2012.

Eu tento escapar. É muito incomum para mim estar em um lugar por muitos meses, e  é uma das coisas que eu tive que me acostumar em uma série de TV. Eu adoro partir em aventuras e ver o planeta.

I try to get away. It’s very unusual for me to be in one spot for so many months, which is one of the things I’ve had to get used to for a television show. I enjoy going on adventures and seeing the planet.

Stana Katic sobre viajar. Parade, março/2012.

Quando eu tinha 16 anos, eu estava em Boston e alguns amigos disseram “Quer ir para Nova York?” Eu fui com minha colega de quarto… Estes caras falaram “Estamos indo neste bar. Apenas não vá ao banheiro.” Era o CBGB. Eu não fazia ideia do que ele era ou de toda a história da música. Tudo o que eu sabia era que esse era meu primeiro bar acima-de-21-anos e eu consegui entrar!

When I was 16, I was in Boston and some friends said, ‘You want to go to New York?,’ I went with my roommate… These guys said, ‘We’re going to this club. Just don’t go in the washroom.’ It was CBGB. I had no idea what it was or the history of all the music. All I knew was this was my first 21-and-over club and I managed to get in!

Stana Katic quando perguntada se ela conhecia o verdadeiro CBGB. Philly.com, novembro/2012.

Sobre sua família

O luxo da criatividade não foi proporcionado aos meus pais, porque eles tiveram que construir uma vida e tiveram que sobreviver, então eu me sinto muito sortuda em ter conseguido levar uma vida criativa.

The luxury of creativity wasn’t afforded to my parents because they had to build a life, and they had to survive, so I feel very lucky that I’ve gotten to pursue a creative life.

Stana Katic, sobre seus pais. The Hollywood Interview, março/2009.

Eles nos educaram. Eles nos inspiraram. Eles nos desafiaram. Nós os desafiamos. Eles nos deixaram viajar. Eles nos deram lições: piano, ballet, caratê e assim por diante. Eles são ambiciosos. Eles são pais fabulosos e estou muito feliz por tê-los.

On her parents: They educated us. They inspired us. They challenged us. We challenged them. They let us travel. They gave us lessons: piano, ballet, karate, and so on. They are ambitious. They’re fabulous parents and I’m really fortunate to have them.

Stana Katic, sobre seus pais. The Hollywood Interview, março/2009.

Somos todos doidos fazendo diferentes coisas no mundo e todos eles estão em seu caminho para se tornarem adultos realmente interessantes, apesar de que eu não sei se algum de nós realmente vai ser adulto um dia, pois somos todos muito estranhos.

We’re all oddballs doing different things in the world, and they’re all on their way to growing into really interesting adults, although I don’t know if any of us will ever really be adults, because we’re all really strange.

Stana Katic, sobre seus irmãos. The Hollywood Interview, março/2009.

Meus pais são imigrantes da Europa. E, eu acho que como europeus, há tantas línguas que são realmente próximas que é parte da cultura tentar aprender pelo menos outra língua. Então, meus pais realmente incentivaram isso em casa. Seria ótimo aprender chinês, como mandarim ou cantonês. Português seria incrível.

My parents are European immigrants. And I think as Europeans there are so many languages in close proximity that it’s part of the culture to try to learn at least one other language. So my parents really encourage it in the house. Chinese would be really great to learn – like Mandarin or Cantonese. Portuguese would be incredible.

Stana Katic, sobre seus pais incentivando o aprendizado de diversas linguas. Parade, março/2010.

Meus pais eram imigrantes europeus. Eles vieram para os Estados Unidos com 1.500 dólares, duas malas e eu, e eles conseguiram construir um negócio, uma família e um futuro. Eles não tinham nenhum dos recursos que as pessoas que viviam aqui por duas ou três gerações tiveram.

My parents were European immigrants. They came to the States with $1,500, two suitcases, and me, and they managed to build a business, a family, and a future for their family. They didn’t have any of the resources of people who have lived here for two or three generations.

Stana Katic, sobre a chegada dela e de seus pais aos Estados Unidos. Monterey Herald, novembro/2012.

Quando eu estava crescendo, meus pais me encorajaram a escolher um caminho seguro e sadio.

When I was growing up, my parents encouraged me to pick a path that was safe and sane.

Stana Katic, sobre seus pais.

Meus pais são sérvios da Croácia. Eu nos chamo de dalmatas, porque é dessa parte do planeta que nós nos originamos. Eu tenho vários familiares sérvios, croatas e até mesmo um punhado de montenegrinos.

My parents are Serbs from Croatia. I call us Dalmatian because that’s the part of the planet that we are originally from. I have Serb, Croat and even a handful of Montenegrin family members.

Stana Katic, sobre a origem de sua família.

Sobre a vida

Quando você aprende a se abrir, a transformação que acontece é maravilhosa: a respiração se torna mais completa. O coração se torna aberto. Você fica mais vulnerável, mas há algo maravilhoso em um vulnerabilidade corajosa.

When you learn to open yourself up, it’s amazing the transformation that takes place: the breath becomes fuller. The heart becomes open. They’re vulnerable, but there’s something so amazing about brave vulnerability.

Stana Katic. The Hollywood Interview, março/2009.

Na vida, as pessoas escolhem algumas histórias e dizem, “Eu vou ser definida por esta história e vou viver de acordo com cada pedaço dela.” Às vezes, você percebe que a história não está te recompensando e na verdade você não está vivendo a vida que lhe é dada.

People in life take on certain stories and say, ‘I’m going to be defined by this story and I’m going to live up to every inch of this story.’ Sometimes you realize the story isn’t fulfilling you and in fact you’re not living the life that you’re given.

Stana Katic, sobre Kate Beckett. The Hollywood Interview, março/2009.

Algumas pessoas são corajosas o bastante para dar crédito à sua infantilidade e algumas pessoas a evitam e escolhem um caminho mais seguro. Temos tanto o que aprender com as crianças. Eles têm tudo calculado. Somos nós, os adultos, que nos esquecemos do que é importante. É por isso que, quando alguém o acusar de ser ‘infantil’, você deveria considerar isso como um elogio.

Some people are brave enough to give credence to their childishness, and some people shy away from it and choose a safer route. We have so much to learn from children. They have it all figured out. It is us adults who have forgotten what is important. That’s why, when someone accuses you of being ‘childish’, I think you should take it as a compliment.

Stana Katic. The Hollywood Interview, março/2009.

(…) Então, faça barulho, seja destemido e vá perseguir esses sonhos.

(…) So roar, be fearless and go chase those dreams.

Stana Katic. Twitter, janeiro/2012.

Eu conheço muitas pessoas que são filosofas, elas sentam-se na beira de um rio e falam sobre como aquele mundo embaixo d’água deve ser. E eu digo “Mergulhe, cara, e vá vê-lo. Nade por aí. Você ficará bem.”

I know a lot of people who are philosophers and they sit by the river and talk about what that underwater world might look like. And I’ll say ‘Dive in, man, and go see it. Swim around. You’ll be okay.’

Stana Katic. Chatelaine Magazine, janeiro/2012.

Para: Aqueles que superaram adversidade pessoal e ainda escolheram inspirar as pessoas, servir e adicionar valor à vida do resto de nós-obrigada.

To: Those who have overcome personal adversity & have still chosen to inspire, serve & add value to the lives of the rest of us-thank you.

Stana Katic. Twitter, outubro/2012.

Eu aprendi que você deve apenas viver sua vida. Viver no momento. Ser despreocupado e feliz, pois você nunca sabe qual dia será o seu último. Eu aprendi que você deveria aproveitar ao máximo, aproveitar a vida ao máximo e se divertir. Sempre seja otimista e agradável com as pessoas, aberto a elas. Siga os seus sonhos, mas tenha certeza de que você sabe quais eles são. Se você encontrar algo realmente bom, não estrague tudo, não arruíne, mas se atenha a isso. Você nunca sabe como e quando isso termina.

I learned that you should just live your life. Live in the moment. Be carefree and happy because you will never know which day will be your last. I learned that you should breathe it in, breath your life in and enjoy it. Always be optimistic and be nice to people, open to people. Follow your dreams but make sure that you know what your dreams are. If you find something really great, don’t screw it up, don’t mess it up but hang on to it. You never know how and when it ends.

Stana Katic

Ele (o Shaman) estava me dizendo que as crenças da cultura dele são como um rio; quando um caminho se abre, esse é o caminho a ser seguido – e deveria ser fácil ir nessa direção. E, se existe um esforço árduo nesta direção, então esse caminho não é para você. Você precisa ir para outro caminho. Quando eu o ouvi falar eu pensei “Nossa, existe tantas coisas que temos que lidar no dia-a-dia. E, talvez, esta não seja a coisa pela qual devemos lutar; talvez seja muito mais simples, sabe? Esse é o modo como eu tomo as decisões. Quando eu estou explorando minha intuição, ela é como um rio. Se se parece certo eu sigo facilmente nesta direção. Não existe ‘Vou ou não vou?’ ou uma lista de prós e contras, sem debate. Esta é a maneira de decidir o que fazer. E essa é a maneira que eu praticamente levo minha vida.

He (the shaman) was telling me that his culture’s belief is like a river; when a pathway opens up, that’s a pathway for you to flow into – and it should be easy to go in that direction. And if there’s a deep struggle in the direction, then that’s not the path for you. You just have to move on a different way. When I heard him say I thought ‘Geez, there are so many things we struggle with on daily basis. And maybe it’s not the thing we should struggling for; maybe it’s a lot simpler, you know? That’s the way my decision-making goes. When I am exploring my intuition, it’s like a river. If it feels right I move easily in that direction. There is no “Should I, shouldn’t I?” or a pros-and-cons list-no debate. This is the way to make sense to what to do. And that’s the way I pretty much lead my life.

Stana Katic

Uma vez que você está confortável consigo mesmo você aprende a ficar mais à vontade com os outros.

Once you’re comfortable by yourself you learn to be more at ease with others.

Stana Katic

Homens nunca deveriam se casar com suas musas. Isso acaba com a ilusão.

Men should never marry their muse. It ruins the illusion.

Stana Katic

Sobre sua carreira e atuar

Eu vim para Hollywood, mas eu não vim pela fama, vim pela arte. De qualquer maneira, eu vim aqui sem um agente, conhecidos e com muito pouco dinheiro. Eu sabia que se eu quisesse ficar, eu tinha que fazer tudo sozinha.

I came to Hollywood, but I’m not doing this for fame, but for the art. Anyways, I came here without an agent, acquaintances, and with very little money. I knew that if I wanted to stay, I’d have to do everything on my own.

Stana Katic, sobre o começo de sua carreira, ao chegar na Califórnia. Gloria, janeiro/2009.

Eu cheguei a Los Angeles no verão, depois que me formei. Meus pais haviam me dado algum dinheiro e sua benção e passei quatro dias viajando. Eu achei que tinha fechado um acordo com uma agência, mas quando eu cheguei, vi que não era assim. (…) Eu fiquei perdida nos primeiros meses, realmente não foi fácil. Eu dormia em albergues, às vezes no carro, apenas para não gastar dinheiro. Depois de um tempo, eu consegui um emprego – eu vendia móveis em uma loja de departamentos em Los Angeles – o que foi bom para mim, porque eu podia alugar um apartamento. Pouco tempo depois, conheci meu empresário, com quem eu ainda trabalho hoje, e comecei a entrar no cinema e na televisão.

I came to Los Angeles in the summer, after I finished at the academy. My parents gave me some money and their blessing, and I drove for four days to Los Angeles. I thought I had a firm agreement with the agency, but when I arrived, I found that wasn’t the case. (…) I was lost the first few months, it really wasn’t easy. I slept in hostels, sometimes in the car, just to save money. After a while, I got a job – I sold furniture in a department store in Los Angeles – which made it a little easier because I was able to rent an apartment. Shortly after that, I met my manager, with whom I still work with today, and started to make my way into film and television.

Stana Katic, sobre o começo de sua carreira. Gloria, janeiro/2009.

Há algo surpreendente em ser um ator, porque estamos obrigados a viver a vida da maneira mais viva, cineticamente e eletricamente possível.

There’s something that is amazing about being an actor because we’re asked to live life as vividly and kinetically and electrically as we possibly can.

Stana Katic, sobre a vida de ator. The Hollywood Interview, março/2009.

É um pouco estranho trabalhar nessa indústria às vezes. Quando eu preciso de um momento de perspectiva, quando eu sinto como se eu estivesse sendo ridícula sobre alguma coisa, eu só me afasto e tento me comunicar ou estar em comunhão com a verdade, e aí eu percebo o quão ridículo essas preocupações são. Elas não significam nada! O que nós ou nossos problemas significarão para as pessoas daqui a 300 anos?

It makes it weird to work in this industry sometimes. When I need to get a moment of perspective, when I feel as if I’m getting ridiculous about something, I’ll just go away and try to communicate or become in communion with truth, and then I realize how ridiculous all these worries are. They mean nothing! In 300 years what will any of us or our little problems mean to people.

Stana Katic, sobre a indústria do cinema. The Hollywood Interview, março/2009.

Como ator, parece que estamos sempre nos mudando de lugar para lugar, nunca realmente sabendo o que está por vir, o que pode ser emocionante, mas também pode moldar a sua vida de uma maneira estranha.

As an actor it seems we’re always living out of our suitcase, never really knowing what next, which can be exciting, but it also can frame your life in a weird way.

Stana Katic, sobre atuar. The Whig, outubro/2009.

Eu amo sotaques; eu adoraria encontrar mais personagens com uma variedade de entonações vocais. Isso cria um personagem. É como se você estivesse cantando uma música. Algumas pessoas encontram o seu personagem através do caminhar ou do modo como eles se movem – para mim, a voz é uma das maneiras que eu encontro partes do personagem.

I love accents; I would love to find more characters with a variety of vocal intonations. It creates a character. It’s like you’re singing a song. Some people find their character through walking or movement – for me, voice is one of the ways I find parts of the character.

Stana Katic, sobre trabalhar com sotaques e entonações para dar vida aos personagens. PopWrap, junho/2010

Eu tenho um monte de irmãos. É fácil para mim fazer as coisas físicas. Eu tinha que sobreviver. Eu realmente amo isso e adoraria fazer mais disso. Eu quero fazer filmes de ação. Eu quero me pendurar em fios, pular de pontes e me pendurar em cordas elásticas. Eu sempre amei isso.

I have a lot of brothers. It’s easy for me to do physical stuff. I had to survive. I really love it, and I’d love to do more of it. I want to do action films. I want to go and hang off of wires, and jump off of bridges, and hang on bungee cords. I’ve always really loved it.

Stana Katic, sobre cenas de ação. Collider, setembro/2010.

Qualquer garota que está em um ambiente profissional tem que ter uma certa quantidade de decoro, mas há sempre uma história diferente acontecendo quando ela vai para casa.

Any girl that’s in a professional setting has to have a certain amount of decorum, but there’s always a different story going on, when she goes home.

Stana Katic, sobre o lado sexy de Kate Beckett, sua personagem em Castle. Collider, setembro/2010

Eu sou uma atriz metódica, então quando eu consegui o papel eu viajei para Nova York, resolvi um assassinato envolvendo um guarda do zoológico e dois orangotangos que escaparam do Zoológico do Central Park. Aí eu comprei um distintivo de polícia e ensaiei mostra-lo em frente ao espelho cerca de 48 vezes!

I am a method actor, so when I landed the role I travelled to New York, solved a homicide involving a zoo keeper and two escaped orangutans from Central Park Zoo. Then I bought myself a police badge and practised pulling it out in front of the mirror roughly 48 times!

Stana Katic, sobre como ela se preparou para o papel de Kate Beckett, em Castle. Telegraph India, maio/2011.

Eu sinceramente acredito que a maior realização que uma pessoa da indústria do espetáculo pode ter é ajudar as pessoas a transcender, ajudar as pessoas a saírem de si mesmas por um momento, e, talvez, mudar através de uma experiência que o artista faz.

I sincerely believe that the greatest achievement that a person in the performing arts can do is help people transcend, to help people come out of themselves for a moment, and, perhaps, change through an experience that the performer provides.

Stana Katic, sobre a realização na vida de um ator. The Daily Herald, maio/2011.

Eu vou dirigir um dia. Eu preciso de mais experiência de vida antes de estar confortável para fazer algo assim. Seria em um filme, talvez algo que eu também tenha escrito.

I will direct one day. I need some more life experience before I feel like I can do something like that comfortably. It’d be a feature, it’d be something maybe that I had in writing as well.

Staka Katic, sobre sua vontade de dirigir. The Hollywood Reporter, novembro/2011.

Acho que todo mundo teme alguma coisa e então você trabalha isso, e é aí que a coragem vem. Mas, no cinema especificamente, você não pode conduzir com medo, você tem que ir com coragem. Se você quer contar histórias interessantes, impactantes, você não pode ser prejudicada por teorias de ninguém de como o cinema deve ser. Então, foi assim que eu pensei que seria uma ótima maneira de começar uma companhia de cinema – apenas criar esse tipo de mantra para o cinema, criar histórias interessantes e impactantes que não são bloqueadas por opiniões do tipo, “Oh, eu não posso fazer isso por esse tanto de dinheiro“, ou, “Esse tipo de história nunca vai dar certo.” Trata-se só de criar histórias incríveis.

I think everybody fears something and then you work through it, and that’s where courage comes in. But in filmmaking specifically, you can’t lead with fear, you have to lead with courage. If you want to tell interesting, impactful stories you can’t be hampered by anyone’s theories of what filmmaking should be. So that’s what I thought would be a great way to start a film company — just create that kind of mantra for filmmaking, create interesting, impactful stories that aren’t blocked by peoples’ opinions of, ‘Oh, I can’t make it for this much money,’ or, ‘That kind of story will never fly.’ It’s just about creating amazing stories.

Stana Katic, sobre a criação de sua produtora, Sine TimoreTV Choice Magazine, fevereiro/2012.

Eu acho que Game of Thrones foi extraordinário. Eu quero participar de coisas de época. Eu adoraria contar grandes histórias, essa é minha maior ambição. E trabalhar com grandes criadores.

I think “Game of Thrones” was extraordinary. I want to do some period pieces. It would be lovely to tell great stories, that is my main ambition. And to be working with amazing creators.

Stana Katic, sobre sua ambição como atriz. Independent Online, maio/2012.

Eu gosto de trabalhar com atores e pessoas criativas maravilhosas e espero continuar a fazer isso, não importa aonde.

I just enjoy working with really wonderful actors and amazing creative people and I hope to keep doing that, no matter where.

Stana Katic, sobre atuar. Digital Spy, novembro/2012.

Eles são legais. Eu não olho para eles como um modo de definir alguma coisa ou alguma atuação. Claro, é legal ser reconhecida num determinado meio, mas esse não é o propósito central por trás de fazer o que eu faço.

They’re very nice. I don’t look to them to define anything or to define any performance. Of course, it’s sweet to be acknowledged in some format, but that’s not the central purpose behind doing what I do.

Stana Katic, sobre prêmios ganhos ao longo da carreira. Digital Spy, novembro/2012.

Eu preciso acreditar na personagem para interpretá-la.

I have to believe in the character to perform it.

Stana Katic, sobre atuar em Castle. Digital Spy, novembro/2012

Para os atores, toda vez que fazemos um novo papel, é como se entrássemos em um novo parquinho. A única coisa que você pode esperar é que a pessoa do outro lado esteja disposta jogar a bola de volta para você.

For actors, every time we do a new role, it’s kind of like entering into a new sandbox. The only thing that you can hope for is that the person on the other side of the sandbox is willing to bounce the ball back to you.

Stana Katic, sobre atuar em novos papéis.

Atuar sempre foi o foco. É estranho, quando pequena, os amigos dos meus pais me perguntaram “O que você quer ser quando crescer?” Eu acho que eu tinha quatro anos, e eu disse “Eu quero ser atriz.”. Eu sempre soube.

Acting was always the focus. It’s weird, I was asked as a little kid by parents’ friends, ‘What do you want to do when you grow up?’ I think I was four years old, and I said, ‘I want to be an actress.’ I always knew.

Stana Katic, sobre sempre ter querido atuar.

Eu acho que cada papel, seja na TV ou no cinema, tem uma parte em construir uma carreira e relacionamentos.

I think every role, whether in TV or film, has a part in building a career and relationships.

Stana Katic, sobre a importancia de todos os papéis na TV ou cinema.

Minha melhor recompensa tem sido trabalho duro, de verdade. Eu não consigo quaisquer favores. Tudo o que eu fiz, eu consegui por causa do trabalho duro, e isso é a coisa mais importante para um jovem ator. Trabalhar em seu ofício, trabalhar em sua atitude e trabalho em sua ocupação.

My best payoff has been hard work, truly. I don’t get any favors. Everything I’ve done, I’ve gotten because of hard work, and so that’s the most important thing for a young actor. Work on your craft, work on your attitude & work on your business.

Stana Katic, sobre a sua carreira.

Eu sou apenas uma atriz que está fazendo um trabalho e, se as pessoas estão gostando e querem assisti-lo, então eu sou uma atriz muito sortuda, que está fazendo um trabalho.

I’m just an actor who’s doing a job and if people are enjoying it and want to see it, then I’m a very lucky actor, who’s doing a job.

Stana Katic, sobre o apoio do público.

Sobre Kate Beckett e Castle

Ela era a típica moradora de Manhattan, vivendo como uma garota da sociedade, quando uma tragédia pessoal a atingiu e ela mudou de rumo, se juntando a força policial para se tornar uma detetive. Eu acho que ela é motivada pela sua necessidade de ver a justiça prevalecer e pela sua empatia para com as vítimas e suas famílias.

She was on that typical Manhattan-ite, society girl path, then a personal tragedy struck, and she shifted course, and joined the police force to become a detective. I think she’s driven by her need to see justice prevail and her empathy toward victims and their families.

Stana Katic, sobre o que motiva sua personagem Kate Beckett, em Castle. The Hollywood Interview, março/2009.

Eu acho que ela é tipo uma super-heroína na televisão e, aos poucos, estamos explorando mais e mais disso. Ela tem uma quantidade enorme de integridade. Eu comecei a fazer mais cenas de ação ultimamente, o que é muito legal. Eles estão nos deixando mostrar mais esse lado mais sexy dela. Ela é complexa, mas ela também tem defeitos. Ela não é uma personagem perfeita, então há muito que interpretar quanto a isso.

I think she’s like a female superhero on television, and we’re slowly exploring more and more of that. She’s got a tremendous amount of integrity. I’ve gotten to do more stunts lately, which is really cool. They’re letting us show more of her sexier side. She’s complex, and she’s also flawed. She’s not a perfect character, so there’s a lot to play in that.

Stana Katic, sobre sua personagem em Castle, Kate Beckett. Collider, setembro/2010.

A equipe e elenco de Castle se torna uma realidade mais do que as pessoas que eu conheci minha vida toda.

The crew and cast at Castle becomes more of a reality than the people I’ve known all my life.

Stana Katic, sobre seu relacionamento com o elenco e equipe em Castle. Wetpaint, janeiro/2011

Eu adoro que ela tem defeitos. Eu adoro que ela tenta fazer a coisa certa, mas ela nem sempre a faz. Eu acredito em personagens que não são perfeitos. Eu acredito nas pessoas. E eu acredito em interpretar personagem que são como as pessoas.

I love that she’s flawed. I love that she tries to do the right thing, but she doesn’t always do the right thing. I believe in characters who aren’t perfect. I believe in people. And I believe in playing characters that are like people.

Stana Katic, sobre sua personagem em Castle, Kate Beckett. Daily Herald, maio/2011.

Eu me identifico com Kate Beckett de várias maneiras. Eu acho que ela é uma mulher forte, independente e guiada pela sua carreira que não tem medo de mostrar o seu lado feminino. Ao mesmo tempo, somos diferentes, pois eu sou mais um espírito livre e talvez menos “certinha” do que ela.

I relate to Kate Beckett in a lot of ways. I think she is a strong, independent, career-driven woman who is not afraid to show her feminine side. At the same time, we differ in that I am more of a free spirit and perhaps less “by the book” than she is.

Stana Katic, sobre as semelhanças à sua personagem em Castle, Kate Beckett. The Telegraph, maio/2011.

Talvez eu seja romanticamente ingênua, mas eu acredito que a graça e a emoção não para quando um casal fica junto.

Maybe I’m naively romantic, but I do believe that spice and excitement doesn’t stop once a couple gets together.

Stana Katic, sobre o casal Rick Castle e Kate Beckett ficarem juntos ou não. Digital Spy, novembro/2011.

Ela é uma garotinha, ela é uma tigresa e ela é uma guerreira. Ela é insegura e indomável. Ela é tudo. Penso que apresentando alguns desses lados a torna mais aceitável e mais divertida de interpretar.

She’s a little girl, she’s a tigress, and she’s a warrior. She’s insecure and she’s indomitable. She’s everything. I think showcasing some of those parts make her more believable and more fun to play.

Stana Katic, sobre sua personagem em Castle, Kate Beckett. Parade, março/2012.

Eu realmente a admiro, pois ela é uma mulher em posição de autoridade. Ela é imperfeita e, apesar de seus defeitos, ela tenta o seu melhor, ela trabalha com inteligência e com o coração.

I really admire her because she is a woman in a position of authority. She’s imperfect, and in spite of her flaws, she tries to do her best, and she works with intelligence and heart.

Stana Katic, sobre sua personagem em Castle, Kate Beckett. The Dominion Post, maio/2012.

Eu acho que ela é uma mulher linda, forte, que comete erros e tenta fazer o seu melhor. Eu adoro pessoas com defeitos que estão tentando crescer e continuam a progredir tanto pessoalmente quanto profissionalmente. Eu acho que ela é um grande modelo feminino.

I think she is a beautiful, strong woman who makes mistake and tries to do her best. I love people with flaws who are trying to grow and keep progressing both personally and professionally. I think she’s a great female role model.

Stana Katic, sobre a força de sua personagem em Castle, Kate Beckett. TV Week Magazine, março/2013.

Sobre seus outros trabalhos

Nós ensaiamos nossa cena de amor por um tempo em uma sala reservada, juntas. Nós duas olhamos para a cama, olhamos uma para a outra, entramos na sala e mandamos ver. Se tratando de beijo, Selma foi muito excitante. Foi a minha primeira vez beijando uma mulher e eu me diverti com ela. Mas, reconfirmei para mim mesma que eu sou 100% hétero.

We rehearsed our love scene quite a bit in a private room together. We both looked at the bed, looked at each other and walked into the room and went at it. As a kisser, I would say Selma was very titillating. It was my first time kissing a woman and I had a great time with her. But I reconfirmed to myself that I’m 100 per cent heterosexual.

Stana Katic, sobre seu papel em Banquete do Amor. Steppin’ Out Magazine, novembro/2007.

Foi demais! Eu realmente queria fazer parte deste filme, e, originalmente, tentei o papel de Strawberry Fields, mas eles sentiram que eu não era certa para ele, além do mais, eu não queria interpretar alguém que seria morta, e todo mundo é morto nesse bendito filme!

It was a blast! I really wanted to be a part of that film, and was up for the role of Strawberry Fields originally, but they felt I wasn’t right for it, plus I didn’t want to play someone who got killed, and everyone gets killed in that bloody movie!

Stana Katic, sobre seu papel em 007 – Quantum of SolaceHollywood Interview, abril/2009.

Sobre o meio ambiente

Fazer a escolha de reciclar todos os dias é o jeito mais simples de ter um efeito positivo em nossas comunidades e planeta. É uma pequena escolha que pode repercutir globalmente.

Making the choice to recycle every day is the simplest way to have a positive effect on our communities & planet. It’s a small choice that can reverberate globally.

Stana Katic, Campanha Recycle Across America. Recycle Across America, março/2014

Viajar fora da bolha de isolamento de um veículo nos transforma, nos conecta, cria um senso de comunidade forte, melhora nossa saúde e meio ambiente, nos inspira – e estamos apenas começando.

Traveling outside the isolating bubble of a vehicle changes us, it connects us, it creates a stronger sense of community, it improves our health and environment, it inspires – and we’re just getting started.

Stana Katic, vídeo ATP Next Step. Alternative Travel Project, abril/2014

Eu não sei como você pode viver em um planeta e não ligar para o meio ambiente. É nosso mundo, nós o compartilhamos.

I don’t know how you can live on the planet and not care about the environment. It’s our globe, we share it.

Stana Katic, entrevista durante o tapete vermelho do Environmental Media Association Awards. EMA Awards, outubro/2014.

Sobre o poder das mulheres

Uma personagem principal feminina forte? É, eu não consigo imaginar uma mulher sendo diferente.

A strong female lead? Yeah, I can’t imagine a woman being otherwise.

Stana Katic, sobre sua personagem em Castle. Paleyfest, março/2010.

Eu não conheço nada além de mulheres fortes, acho que as mulheres, por natureza, são muito poderosas.

I know nothing but strong women, I think women are inherently very powerful.

Stana Katic, tapete vermelho do Broadcast Television Journalists Association Second Annual Critics’ Choice Awards, junho/2010.

Recentemente eu li “Scarlett” e era uma história em quadrinho de matar. A “Viúva Negra” foi bastante demais. Há uma grande lista de garotas de matar que são demais.

I read ‘Scarlett’ recently, and that was a killer comic book. The ‘Black Widow’ was pretty rockin’. There is a big list of killer chicks that are just rockin’.

Stana Katic, sobre qual super-herói ela gostaria de interpretar. Collider, setembro/2010.

Eu não acredito em mulheres fracas. Eu acredito que as mulheres, no geral, são seres poderosos. Eu não sei de mais nada.

I don’t believe in weak women. I believe women in general are pretty powerful beings. I don’t know anything else.

Stana Katic, sobre interpretar mulheres fortes. TV Guide Magazine, novembro/2010.

Acho que estamos em um momento que as mulheres podem ser sensuais, onde elas podem ser femininas e, ainda assim, podem ter a sua força.

I think we’re at a stage when women can be sensual, where they can be feminine, and yet, they can have their strenght.

Stana Katic, no programa da CBS que trata de assuntos do ponto de vista da mulher. The Talk, novembro/2011.

Eu gosto das mulheres que tiveram um estilo forte e destemido. Um bom exemplo era Slim Keith, um ícone da moda e uma socialite dos anos 50. Lauren Bacall e Katherine Hepburn também eram pioneiras da moda para as mulheres da época. Elas estavam vestindo calças, gravatas e fumavam. Eu também gosto da Madonna, que é esse espírito independente e faz o que quer – ela não liga para o que os outros pensam.

I like the women who had a strong and fearless style. A good example was Slim Keith, a style icon and socialite from the ’50s. Lauren Bacall and Katharine Hepburn were also style pioneers for woman back then. They were wearing pants, ties and they were smoking. I also like Madonna, who has that independent spirit and does as she pleases — doesn’t care what anyone thinks.

Stana Katic, sobre seus ícones da moda. T Magazine, junho/2012.

Somo o quê? 51% da população deste planeta? Então, é importante contar nossas histórias, também.

We’re what? 51% of the population on this planet? So, it’s important to tell our stories too!

Stana Katic, sobre mulheres na indústria do cinema & TV. Women In Film’s 2013 Crystal + Lucy Awards, junho/2013.

Acho que você paga as pessoas baseado no trabalho delas e não em seu gênero. É simples assim.

I think you pay people based on their work and not based on gender. It’s that simple.

Stana Katic, sobre igualdade de salários entre homens e mulheres em Hollywood. Hollywood Reporter, janeiro/2015.

Sobre seus fãs

Amo vocês, pessoal! RT @paleycenter “Estou muito honrada. Eu nunca tive fãs antes, então isso é muito legal.”

Love you guys! RT @paleycenter “I’m so honored. I’ve never had fans before so it’s really cool.

Stana Katic, sobre seus fãs, “Os Stanatics”. Twitter, março/2010.

Eu estive em uma entrevista esta manhã e uma das perguntas foi “Ao que você atribui o sucesso de Castle?” Eu disse que era a vocês, pessoal. Obrigada por sempre aparecerem nas noites de segunda-feira, por postarem sobre isso e nos apoiarem… na internet, for fazerem camisetas iradas, por enviarem cartas sinceras e vale presentes de café, e pelos trabalhos de arte incríveis que eu vejo a cada semana. Nós só estamos tão bem como estávamos semana passada por causa de vocês. Obrigada.

I had an interview this morning, and one of the questions they asked was “To what do you attribute the success of ‘Castle’?” I said it was you guys. Thank you all for always showing up on Monday nights, for blogging and supporting us… over the Internet, for making wicked t-shirts, for sending heartfelt letters and coffee gift certificates, and for all of the amazing artwork I get to see each week. We only did as well as we did last week because of all of you. Thank you.

Stana Katic, sobre o amor e apoio dos fãs. Stana Katic Fanpage, abril/2010.

Ah sim, e Brasil: um grande abraço.

Oh yeah, and Brazil: um grande abraco.

Stana Katic. Twitter, agosto/2011.

Meus fãs são os melhores, porque eles são encantadores, eles são adoráveis e eles são super inteligentes. Muito obrigada!

My fans are the best fans, because they’re charming, they’re sweet and they’re super intelligent. Thank you guys so much!

Stana Katic, em entrevista após ganhar seu primeiro People’s Choice Awards. The Insider, janeiro/2014.

Eu sempre fico impressionada pelas pessoas que tiraram um tempo pra assistir a algumas das coisas que eu faço e manifestaram seu gosto por elas. Estou super honrada por todos eles.

I’m just blown away continually by the people that have kind of taken the time to watch some of the things that I do and have expressed an appreciation for it. I’m super honored by all of them.

Stana Katic, sobre o amor e apoio dos fãs.